Bronze em Tóquio 27/07/2021 15:57

Medalhista olímpico já fez história nos Jogos Luteranos

Fernando Scheffer estudou no Colégio Ulbra Cristo Redentor
Fernando Scheffer, em 2015
Fernando Scheffer, em 2015 Foto: Paulo Pires/DC

O canoense Fernando Scheffer, que, nesta segunda-feira, 26, conquistou a medalha de bronze da prova dos 200 metros livres da natação dos Jogos Olímpicos de Tóquio, já fez história nos Jogos Internacionais Luteranos da Rede de Escolas. Em 2013, quando era estudante do Colégio Ulbra Cristo Redentor, Fernando competiu na 19º edição dos Jogos. Na época, o atleta, então com 14 anos, foi titular da equipe de natação ao lado dos colegas Lucas Bettanin, Bruno Bueno e Gabriel Gava e competiu nas categorias 50 m costa, 50 m livre e no revezamento 4x25 estilo e revezamento 4x25 livre.

O desempenho fez com que o Colégio Cristo Redentor garantisse a primeira colocação na natação masculina em 2013, à frente de escolas de Porto Alegre, da Argentina e do Uruguai. "Nosso grupo ganhou no revezamento e o Scheffer, todas as provas que competiu. Ele já era diferenciado, fora da curva, e continua sendo", comenta o colega de equipe e de sala de aula na época, Lucas Bettanin. Além de muito focado nos treinos e de viver nadando no Clube Grêmio Náutico União, Bettanin recorda que Fernando também era muito dedicado aos estudos. "Tirava boas notas. Sempre foi muito determinado e fazia ótimos resultados", completa.

Bettanin, que também era nadador, lembrou que, embora não treinasse junto com Scheffer, pois cada um nadava em um clube na capital, os Jogos Luteranos acabaram aproximando os colegas. "Os jogos paravam o colégio. Éramos muito competitivos. Antes das provas, fomos na piscina da Ulbra fora do período de aula organizar a nossa participação e cada um fazia o seu preparo externamente", explica. Hoje, ele conta que acompanha o sucesso do ex-colega pelas redes sociais. "É um atleta diferenciado. Era um monstro na natação e continua sendo", finaliza.

Marla Cardoso
Jornalista Mtb 13.219  

Fale conosco