Tecnologia e Cultura: da pedra lascada às redes sociais

Apresentação
A finalidade do curso é expor uma visão geral introdutória sobre o papel da tecnologia em todos os campos da nossa sociedade: desde o nosso próprio self cerebral, passando pelo mundo das relações de amizade e profissionais até desembocar no contexto ambiental global. Nesse itinerário, traçará a diferença entre as abordagens dualistas (crítica da tecnologia) e monistas (tecnologia como constituição do humano), comparando as perspectivas de abordagem do fenômeno e procurando compreender o significado que a deriva tecnológica representa hoje para política, economia, direito, ética e estética. A abordagem buscará congregar aspectos interdisciplinares desses fenômenos, almejando uma mensuração do papel da tecnologia no nosso século XXI, passando por autores fundamentais como Jacques Derrida, Catherine Malabou, Bernard Stiegler, Gilles Deleuze, Félix Guattari, Bruno Latour, Theodor Adorno, Martin Heidegger e as modernas teorias das redes e da cognição estendida.

Objetivos
-- Oferecer uma compreensão do papel das tecnologias na formação da cultura humana;

-- Proporcionar uma visão crítica e inovadora que escape da tecnofilia e tecnofobia;

-- Entender o papel que a tecnologia desempenha na desconstrução das instituições tradicionais;

-- Discutir as diferentes abordagens, monistas e dualistas, em torno da relação entre humano e máquina;

-- Relacionar a tecnologia com o advento das transformações sociais do século XXI.

Público-alvo
Estudantes dos cursos de ciências humanas e sociais aplicadas em geral (Direito, Jornalismo, Publicidade, Filosofia, Sociologia, Pedagogia, Antropologia, Psicologia, História, etc.), profissionais das mesmas áreas e público em geral interessado em entender as últimas mudanças tecnológicas.

Programa
1. A biotecnologia do humano: cultura como programação;
2. Teorias da indústria cultural: tecnologia na era dos meios de comunicação de massa;
3. O olhar dos fenômenos contemporâneos pela visão dualista;
4. A era dos ciborgues;
5. Transformações sociais e redes sociais digitais;
6. Como será o mundo dos ciborgues?

Ministrante
Moysés da Fontoura Pinto Neto: Doutor em Filosofia (PUCRS com período-sanduíche no  Centre for Research in Modern European Philosophy -- Kingston/UK), Mestre em Ciências Criminais (PUCRS)  e Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais (UFRGS), escritor e blogueiro.

 

Modalidade Presencial
Carga Horária 8 horas
Período De 26/09/2015 a 26/09/2015
Horário Sábados, das 9h às 12h e 13h30 às 17hs
Inscrições De 14/07/2015 a 24/09/2015
Vagas 35
Investimento Forma de pagamento
Registre interesse na próxima turma
ULBRA Porto Alegre - R. Voluntários da Pátria, 9, Centro Histórico, Porto Alegre - Rio Grande do Sul
Telefone: (51) 3227.8801 - (51) 3286.5380 · E-mail:
tempo: 0.0749
Memoria: 4.97MB