Combate à COVID-19 20/01/2022 08:18

Ulbra volta às aulas e apoia a campanha pela vacinação

Universidade reforça importância da campanha de imunização

A Rede Ulbra de Educação está com sua volta às aulas acontecendo de janeiro a março, em todas as unidades do País, desde a educação infantil, ensinos fundamental e médio, educação profissional, até a graduação e pós-graduação. O retorno ocorre em um momento em que aumentam os casos de COVID-19. Diante disso, a Instituição está reforçando a importância da vacinação no combate ao vírus, num cenário pandêmico em que é preciso que cada um faça a sua parte com responsabilidade.

A forma segura e eficaz de prevenir doenças e salvar vidas, segundo especialistas, é através da vacinação. Ela produz uma resposta imunológica, ou seja, proteção no nosso organismo. A comprovação está na erradicação e controle de várias doenças no mundo, como varíola, poliomielite, sequelas da rubéola em recém-nascidos e surtos de febre amarela, entre outras.

Imunização

A vacinação para crianças demorou um pouco mais para chegar ao Brasil. Por isso, ocorre uma corrida contra o tempo para imunizar os alunos dessa faixa etária. Conforme o professor do curso de Medicina, e integrante da Comissão Gestão de Risco Coronavírus da Aelbra, o infectologista Cláudio Marcel Bedun Stadnik, estamos vivendo um período mais agressivo da pandemia com a nova variante Ômicron. "O retorno às aulas gera preocupação. Não só pelas crianças que vão conviver, mas por toda a movimentação que provoca nas cidades. Pais levando os alunos e tendo aproximação com outras famílias. E isso poderia facilitar a transmissão."

No entanto, ressalta o doutor Stadnik, como já constatado em outros países, a disseminação da Ômicron alcança um pico muito elevado, mas depois cai muito rápido. "Talvez, nas próximas semanas, possa diminuir o número de casos e permitir o retorno às aulas com mais tranquilidade'', enfatiza.

"É justamente por isso que a vacinação é tão importante. Estamos vacinando muito bem os adultos, mas se não imunizarmos as crianças, elas podem servir de ponte de contaminação de outras famílias", afirma o infectologista. Segundo ele, a vacinação das crianças pode impedir ainda mais o aumento do vírus, principalmente nesse retorno às aulas.

PROTOCOLOS DE SEGURANÇA

A Rede Ulbra de Educação, cumprindo o seu papel como instituição de ensino, uniu a pesquisa e a inovação para um cenário de busca pela prevenção e contenção do vírus. Confira aqui diversas dicas de prevenção.

Neste momento de volta às aulas, a Universidade reforça a importância do aplicativo UlbraXCovid traz protocolos de prevenção em instituições de ensino. A ferramenta digital é uma grande aliada na prevenção à Covid-19. Gratuito e disponível para Android e IOS, é só fazer download na sua loja de aplicativos.

O app UlbraXCovid foi pensado baseado no conjunto de regras de prevenção ao Coronavírus que foi adotado pela Instituição. Antes de um estudante realizar uma atividade presencial, por exemplo, ele responde cinco perguntas e, com base nelas, o aplicativo indica qual protocolo ele tem que seguir.

São quatro níveis e, conforme a descrição ou a característica da atividade, o aplicativo mostra qual deve ser adotado. O verde é destinado para atividades mais simples; o vermelho, para as que são mais restritivas. 

A ferramenta fornece informação de uma forma moderna, rápida e interativa, apresenta quais materiais e itens de proteção devem ser utilizados para cada situação, além de também disponibilizar o arquivo PDF completo de cada protocolo.

É um conjunto de regras pensadas para funções realizadas nas escolas e campi da Ulbra e não necessita de login e senha. Ele é totalmente aberto e qualquer pessoa pode utilizar.

A Comissão de Gestão de Risco Coronavírus cuida da segurança da comunidade Ulbra em relação à pandemia da COVID-19.  É presidida pela médica Miriam Silveira Heine, professora do curso de Medicina. Realiza os planos de contingência e traça estratégias para modificações estruturais.

Marcelo Miranda
Jornalista -- MTb. 6824

Fale conosco